Feedipedia
Animal feed resources information system
Feedipedia
Feedipedia

Itavo et al., 2000. Rev. Bras. Zootec., 29 (5): 1474-1484

Document reference 
Itavo, L. C. V. ; dos Santos, G. T. ; Cabreira Jobim, C. ; Voltolini, T. V. ; Bortolassi, J. R. ; Ferreira, C. C. B., 2000. Conservation of fresh orange peel by ensilage process using additives. Rev. Bras. Zootec., 29 (5): 1474-1484
Abstract 

Estudaram-se os efeitos de aditivos na fermentação e composição do bagaço de laranja, em silos laboratoriais de PVCcom capacidade para 15 kg, distribuídos ao acaso com três silos por tratamento: sem aditivo (CT), inoculante enzimático microbiano(IN) e ácidos fórmico (FO), propiônico (PP) e acético (AC). As amostras foram tomadas antes (0) e 2, 8, 16, 32 e 64 dias após a ensilagem.Analisaram-se os teores de matéria seca (MS), proteína bruta (PB), fibra em detergente neutro (FDN) e detergente ácido (FDA), adigestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS) e da parede celular (DIVPC), o pH, a capacidade tampão (CATP) e o N amoniacal. Asilagem sem aditivo apresentou os menores teores de MS. Os teores de PB, FDN e FDA da silagem tratada com ácido fórmico (FO) foramos menores. As DIVMS e DIVPC foram constantes, com exceção do tratamento com ácido fórmico (FO), que foi linear negativo, em funçãodo tempo de ensilado. O comportamento do pH apresentou equações de regressão cúbicas, com exceção do tratamento com ácido fórmico,que foi linear. A silagem tratada com ácido fórmico apresentou os menores valores de CATP (25,7 a 39,1 mg HCl/100 g MS) e os maioresde N amoniacal (3 a 4% N total). Os aditivos não melhoraram a qualidade e o valor nutricional da silagem de bagaço de laranja.

Citation key 
Itavo et al., 2000
Datasheets